Milhares de vidas resgatadas para Deus

Depois da entrada da Arca da Aliança, as portas do Templo de Salomão se abriram de novo para receber os que se encontravam afastados da presença de Deus


Por Flavia Francellino / Fotos: Marcelo Alves e Reprodução

Nas últimas semanas, milhares de pessoas entraram no Templo de Salomão, no bairro do Brás, em São Paulo, um lugar que une povos, credos e pessoas com diferentes histórias. Elas participaram de reuniões especiais. No dia 7 de julho, pastores e bispos do Brasil e do mundo se encontraram para um grande clamor; e no dia 28 aconteceu o Congresso Renovação, que reuniu inúmeras lideranças evangélicas.

Já em agosto, no dia 5, as portas do Templo foram abertas para receber a Arca da Aliança, que retornou ao local depois de percorrer as 27 capitais do País. Pouco depois, nesse mesmo dia, elas se abriram novamente. Era quase 12h30 quando cerca de 10 mil pessoas já ocupavam os arredores do Santuário. Elas compareceram para participar de um encontro especial.

Chamado de Vigília do Resgate de Pedro, o evento teve início às 14h e foi conduzido pelo Bispo Sergio Corrêa, responsável pelo cuidado espiritual dos obreiros em todo o Brasil. A Vigília também foi transmitida por videoconferência para as Universal de todo o País.

O nome dado à reunião remete ao apóstolo cuja história pode ser conferida no Novo Testamento. Embora convivesse com Cristo e tivesse colocado sua vida à disposição da propagação do Evangelho, Pedro demonstrou durante três anos fraquezas e conflitos não resolvidos.
Pedro afirmava que amava Jesus e que seria capaz de entregar sua vida em favor da vida dEle, mas negou que O conhecesse por três vezes. “Ele negou Jesus descaradamente, mas depois Jesus foi resgatá-lo na Galileia”, explicou o Bispo Sérgio, o que prova que Jesus não despreza nenhum dos Seus filhos.

Também notamos mais de Seu amor incondicional na narrativa descrita em João 21.15: “Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes? E ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeiros”. Jesus não apenas resgatou a alma de Pedro como confiou a ele o cuidado de Seu rebanho. Ou seja, mesmo tendo errado, Jesus esqueceu seu passado e lhe confiou o cuidado espiritual de almas tão preciosas quanto a sua.

Oportunidade
A Vigília foi dedicada a pessoas que já tinham sido obreiros, como pastores, esposas de pastores e bispos ou membros da igreja, e que por algum motivo deixaram de lado a prática da fé e se afastaram de Deus.
Elas retornaram para que suas vidas sejam novamente transformadas e para que alcancem a Salvação. Em nome delas o Bispo Sergio clamou dizendo: “receba, Senhor, cada vida que está retornando, inclusive a que pensa que não tem mais jeito. Mostre para essa pessoa que o Senhor está de braços abertos para recebê-la”. A reunião também se estendeu às pessoas que, apesar de frequentarem a igreja, estão distantes de Deus.

MELANCHOLY A obra é do artista Albert György (2012) e representa um homem com um enorme vazio dentro de si

Durante o encontro, o Bispo mostrou no telão a foto de uma escultura de bronze chamada Melancholy (Melancolia), do artista Albert György (2012). O monumento representa um homem, cabisbaixo, olhando para o enorme buraco que existe dentro de si.

Ele comparou a escultura com a vida de muitos que se afastaram não só da igreja, mas da presença de Deus. Pessoas que, sem Ele, estão com um vazio enorme na alma. “Essa pode ser a sua situação. Esse vazio um dia foi preenchido pelo prazer de servir a Deus, pela presença dEle, e hoje existe um buraco que você tenta preencher de todas as maneiras e não consegue.”

O Bispo ainda fez um alerta: “o Espírito Santo está te dando uma nova oportunidade, talvez seja a última. Se você morrer hoje, sem voltar aos braços de Jesus, estará perdido. Esse buraco não é absolutamente nada em comparação ao que te espera. Será que você ainda não enxergou isso? Volte! Volte hoje, volte agora!”

O que fazer?
Para que a transformação ocorra, é preciso haver arrependimento. Segundo o Bispo, essa decisão “é o ponto que divide uma vida entre o antes e o depois. Quando sincero, acompanhado da confissão e do abandono do pecado, ele quebranta o coração de Deus. Quando você se arrepende de verdade, entra em ação o poder da misericórdia dEle”, afirmou o Bispo.

Retorno bem-vindo

Rosângela Silva Marçal, de 51 anos, estava na Esplanada do Templo minutos antes do início da reunião. Ela fazia parte de um grupo de quase 30 pessoas vindas do bairro do Grajaú, zona sul de São Paulo. “Elas vieram de coração aberto”, expôs Rosângela, prestes a completar 18 anos de Obra.

Luana Silva Oliveira, de 24 anos, era uma integrante do grupo. Ela já conhecia a Universal desde os dez anos, mas estava no Templo pela primeira vez. “Me sinto uma formiguinha em relação ao tamanho do Templo, ele é muito bonito. Tenho lembranças muito boas da época em que estive na igreja”, disse ela, que estava afastada há sete meses.
Ela contou que a escolha pela liberdade de fazer o que quisesse de sua vida fez com que ficasse esse período distante de Deus e fora da igreja. Com as distrações, no entanto, vieram as decepções, além do relacionamento amoroso rompido por causa de traições. “Estava na hora de voltar, falei isso para mim mesma. Sinto um alívio só de pisar aqui.”

Já Rosângela disse que encontros como esse são um aprendizado. “É algo inexplicável. A cada reunião, a cada palavra, aprendemos a nos achegarmos mais a Deus”, completou.

ler mais
Notícias relacionadas
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Milhares de vidas resgatadas para Deus

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games