O mau comportamento no trabalho também pode prejudicar sua saúde

Saiba o que fazer para resolver suas questões profissionais e se sentir bem dentro e fora da empresa



Por Por Janaina Medeiros / Foto: Fotolia / Arte: Eder Santos

Muitas pessoas sabem que o mau comportamento durante o expediente pode gerar consequências negativas ao trabalho. O que muitos desconhecem é que o fato de não se comportar bem enquanto estão no ambiente profissional pode também prejudicá-los fora dele, quando já estão em casa, por exemplo.

Esse fato foi comprovado recentemente por um estudo realizado pela Universidade de Iowa, nos Estados Unidos, e reproduzido pelo site Sleep Review.

Pesquisadores verificaram, em um levantamento feito com 600 trabalhadores, que as pessoas que tiveram comportamento contraproducente durante o expediente, como fofocas, sabotagens, brigas, furtos e assédios, tiveram dificuldades para repousar, pegar no sono e ter bons hábitos porque ficaram refletindo quanto aos problemas que tiveram durante o dia.

O psicoterapeuta e coach profissional Arlindo Mendes Vich ressalta que, com esse estudo, é possível concluir que a saúde e o bem-estar do trabalhador estão diretamente relacionados à forma como ele se porta no trabalho. “O comportamento contraproducente é destrutivo porque, ao mesmo tempo que prejudica a empresa e as pessoas ao redor, faz com que o trabalhador passe o tempo em que está com a família remoendo o que fez no trabalho, como ter brigado ou causado intrigas, por exemplo”, explica.

Bem-estar em risco

O “clima ruim” que permanece em casa depois do expediente em razão desse mau comportamento no trabalho pode causar inúmeros problemas no bem-estar do trabalhador.

A psicóloga Bettina Sodré destaca que o relacionamento familiar pode ser prejudicado. “Se você fica pensando nas más atitudes que teve no trabalho, cônjuge, filhos e pais ficarão em segundo plano. E aí podem acontecer afastamento ou brigas também dentro do ambiente familiar”, afirma.

Além disso, enquanto estiver pensando no trabalho, a pessoa também pode não se alimentar corretamente. “Quando as pessoas estão com os pensamentos em outras coisas, costumam pular alguma refeição, beliscar besteiras ou comer com pressa, o que acaba até prejudicando o estômago”, completa a psicóloga.

Outra situação comum é a pessoa não conseguir dormir direito, pensando em como resolver o problema do trabalho, o que pode causar alterações hormonais e atrapalhar algumas funções cerebrais, como a capacidade de raciocinar direito. “Se você permanece irritado e pensando no que aconteceu no trabalho, mesmo depois do expediente, terá insônia, dores de cabeça, tensões musculares, entre outros problemas de saúde”, aponta Bettina.

Baixa produtividade

Como o profissional não consegue ter momentos de repouso ou lazer por causa dessas atitudes, ele acaba também sendo prejudicado no dia seguinte, quando retorna ao trabalho. “Se o trabalhador não tiver seu bem-estar garantido após o expediente, vai ficar menos engajado no trabalho e, com isso, será menos produtivo. Isso vira um círculo vicioso”, pontua o psicoterapeuta Arlindo Vich.

Então, é necessário combater esse tipo de comportamento para não ver suas atividades prejudicadas. Uma dica é evitar as distrações que afetam o andamento do trabalho. Outra é aproveitar as pausas que costuma fazer para ajudar a aumentar sua atenção, seu foco e sua energia quando voltar ao ofício – e não para reforçar essas más atitudes.

Outro fator importante para não ser levado a praticar alguma atitude contraproducente é manter o foco em uma atividade por vez. “Se você precisa fazer duas coisas ao mesmo tempo, acaba desviando a sua atenção para uma terceira que não tem nada a ver com o seu trabalho. Então, é preciso manter o foco e a determinação”, orienta Vich.

Além disso, é necessário identificar os pontos que reforçam sua insatisfação, como a falta de feedback do seu líder ou ter sua concentração prejudicada, e resolvê-los. “É preciso verificar quais dessas situações acabam gerando atritos, ausência de diálogo e podem reforçar o mau comportamento do trabalhador”, justifica o profissional.

6 atitudes saudáveis para adotar fora do expediente

Congresso para o Sucesso

Uma reunião que inspira
novas ideias e traz motivação para superar desafios financeiros. Todas as
segundas-feiras no Templo de Salomão em uma Universal mais próxima de
você. Confira horários e endereços
aqui

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O mau comportamento no trabalho também pode prejudicar sua saúde

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games