“Fé e preconceito não combinam”

Representantes do candomblé visitam Templo de Salomão e se unem à Universal contra a intolerância religiosa



Por Por Rafaela Dias / Fotos: Marcelo Alves

Sábado ensolarado do dia 28 de abril, em São Paulo. Data para ficar marcada na vida de todos que, assim como a Universal, são contra a intolerância religiosa. Neste dia, cinco representantes do candomblé viajaram da Bahia até a capital paulista para realizar o tour no Jardim Bíblico, no Templo de Salomão. Eles foram recebidos pelo Bispo Eduardo Bravo, que os acompanhou na visita

Notoriamente maravilhados com a construção, os visitantes conheceram a história de Israel e não deixaram de expressar suas opiniões a respeito do local, mas, sobretudo, da iniciativa da Universal em convidá-los a conhecer as dependências do Templo.

“Eu vejo essa atitude como a mudança na luta contra a intolerância religiosa. Como um crescimento na própria religião de vocês, porque vocês estão mostrando exatamente o contrário do que nos passaram até hoje”, declarou o pai de santo Jaime Dias, pai pequeno do Ylê Babá Kêkêrê.

Para o Bispo Eduardo Bravo, à medida que a Universal foi crescendo, ao longo de seus 40 anos, com a experiência, vieram também o amadurecimento e cada vez mais o respeito às crenças diferentes. “Temos um muro de itolerância em nosso País. Hoje, demos um passo para quebrar esse muro que foi erguido em nossa nação”, enfatizou o Bispo.

A yalorixá do terreiro Ylê Axé de Jibayê, Jacira Ferreira, Yá Lorixá (foto acima, com o Bispo Eduardo Bravo), afirma que o princípio para o fim da intolerância religiosa é ter o coração e mente abertos. “Fé e discriminação não combinam. Temos que ter fé, mente e coração abertos para procurar conhecer o outro, pois estamos vivendo em tempos difíceis e apenas será possível melhorar por meio da união e amor”, destacou ela que também recomenda a visita ao Templo. “Estamos aqui fazendo o melhor. Convido a todos outros adeptos a conhecer também. Vamos fazer essa união ficar mais forte e mais rápida”.

O Bispo Eduardo ainda enfatizou que, independentemente da religião, todos podem conviver em harmonia e respeito. “O Templo também se transformou em um centro cultural, mas é importante observar que, mesmo tendo as nossas diferenças, podemos conviver, porque a fé está acima de qualquer religião, Deus quer ter um relacionamento com cada um, individualmente”, concluiu o Bispo.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

“Fé e preconceito não combinam”

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games