A oração que chega a Deus

Entenda quais elementos devem estar presentes em seu diálogo com o Criador e como se aproximar dEle por meio das palavras

Por Por Janaina Medeiros/ Foto: Fotolia

Para ter um bom relacionamento com outras pessoas é preciso que exista diálogo, não é mesmo? Não há como conhecer um amigo ou um pretendente à vida amorosa, por exemplo, sem que haja uma boa comunicação.

O mesmo acontece quando o objetivo é ter um verdadeiro relacionamento com Deus. Falar com o Criador durante vários momentos do dia é imprescindível para se viver em comunhão com Ele. A oração é uma arma poderosa para todas as situações, tanto para os instantes de tristeza quanto para os de alegria. Ela é um instrumento que todo indivíduo tem para expressar a Deus tudo aquilo de que necessita. Até mesmo Jesus Cristo orava incessantemente durante seu ministério e incentivava todos também a fazerem o mesmo.

Ocorre que muitas pessoas não fazem suas orações de uma forma eficiente. Há ainda quem faça suas orações apenas dentro da Igreja ou durante uma campanha de fé. Recentemente, vivemos o propósito dos “7 Dias de Oração e Súplica” em todas as Universal. Aproveite para continuar na mesma fé orando e suplicando a Deus pelas suas necessidades. É preciso entender que é importante orar a Deus também em casa, no trabalho, na escola, no trânsito, ou seja, em qualquer lugar.

Primeiramente, para que uma oração seja atendida, é necessário que ela seja sincera, como escreveu o Bispo Edir Macedo em seu blog: “Deus procura sinceridade em nossa oração. Por isso, não adianta falar por falar ou não termos um foco em nossas palavras”.

Também não vale a pena repetir palavras que alguém pediu que fossem ditas, como ensinou Jesus:

E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos. Mateus 6.7

Por isso, se estiver triste, expresse sua tristeza na oração; chore se sentir vontade de chorar; revolte-se contra um problema, se quiser se revoltar. Por outro lado, se estiver feliz, fale isso para Deus, louvando-o, por exemplo. “Deus sabe quem tem um interesse verdadeiro na presença dEle e quem não tem”, completa o Bispo.

Para fazer isso, reserve um momento exclusivo para dirigir-se a Ele, longe das distrações, como está escrito: “Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a Teu Pai, que está em secreto; e Teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.” (Mateus, 6.6).

Fé e dependência

A oração deve conter alguns elementos para que seja agradável a Deus e, assim, seja respondida. O primeiro deles corresponde à atitude corporal do indivíduo no momento que vai orar. Ele precisa se mover para expressar a sua dedicação: se levantar, caso esteja sentado; ou se deitar com os olhos fechados para elevar os pensamentos a Deus, por exemplo.

Essas movimentações corporais demonstram aquilo que o indivíduo está sentindo ao orar. Se ajoelhar, por exemplo, exprime humilhação diante de Deus; estender os braços em direção ao céu expressa louvor e reverência; e abrir a boca para emitir as palavras manifesta intimidade.

A alma também é outro elemento importante que deve estar presente na oração. Orar com a alma significa expressar tudo o que está sentindo enquanto estiver orando. É “colocar para fora” o que está dentro do seu coração. Isso acontece, por exemplo, quando uma pessoa derrama lágrimas ao orar. “Requer sincera expressão do que há escondido no mais profundo da alma. Exige uma transparência total”, afirma o Bispo Macedo.

O terceiro elemento é o espírito, que deve estar alinhado com o corpo e a alma. Ao orar com o espírito, a pessoa demonstra que está consciente do que está falando e de que suas palavras não partem de uma emoção ou sentimento, mas foram pensadas para serem ditas. Envolve um compromisso entre ela e o seu Senhor. É quando ela promete a Deus durante uma oração que vai fazer algo, caso seja atendida.

Ocorre que muitas pessoas oram com o corpo e a alma, mas deixam o espírito de lado. Às vezes, falam para Deus diante do Altar que vão abandonar um pecado, por exemplo. Contudo, por terem feito a oração apenas por meio de uma empolgação (sem consciência, sem espírito), voltam a cometê-lo.

Prática

Entenda que Deus atende à oração daqueles que vivem conforme os Seus ensinamentos. Portanto, acima das suas vontades devem prevalecer as do seu Senhor: “A oração: ‘Oh, Deus, em o Nome de Jesus, faça isto ou aquilo’, além de não agradar ao Senhor, não funciona. Mas a oração: ‘Oh, Deus, em o Nome de Jesus, Te suplico isto ou aquilo, porém, que seja feito de acordo com a Tua vontade’. Esse tipo de oração sempre alcançará o Trono e haverá o sim do Amém”, esclarece o Bispo Macedo.

Além disso, pratique a oração mesmo quando não sentir vontade de orar. Se estiver passando por momentos difíceis, em vez de reclamar, ore. Se já estiver orando por uma situação, mas ainda não obteve resposta, reflita se há algo que esteja fazendo de errado, se conserte e persevere nas orações, sem desistir do que tem buscado. Se você for justo diante de Deus, certamente sua oração chegará até Ele. “Pode até parecer demorada a resposta, mas, cedo ou tarde, ela virá no tempo determinado por Ele”, conclui o Bispo.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A oração que chega a Deus

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games