Quando o celular está acima de tudo

Estudo revela que pessoas priorizam o smartphone, não o relacionamento



Por Por Andre Batista / Imagem: Thinkstock

Um estudo realizado pela fundação britânica Nationwide Building Society e pelo jornal inglês Daily Mail revelou que 53% das pessoas primeiro verificam as notificações do smartphone para só depois dar “bom dia” para quem está deitado ao seu lado.

Outro número curioso é que 58% dos entrevistados responderam que não ficariam mais de 24 horas sem checar o telefone. Mas somente 28% se recusam a ficar 24 horas sem conversar com o namorado ou com o cônjuge.

Mais alarmante ainda é a quantidade de pessoas que preferem esquecer o aniversário de namoro a esquecer o celular em casa: 42%.

Por fim, o estudo mostrou que 66% das pessoas se sentem ansiosas e infelizes quando não estão com o smartphone nas mãos. Mas, se durante 66% do tempo eles estão dando atenção ao celular, quando eles vão dar atenção ao relacionamento?

Todos querem, ninguém quer dar

O panorama apresentado pelo estudo britânico revela um dos mais graves problemas que têm afetado a vida amorosa das pessoas: o mal uso da tecnologia. Embora a internet, as redes sociais e os aplicativos para smartphones tenham potencial para facilitar a vida das pessoas, elas estão se tornando viciadas.

E ninguém é feliz em um relacionamento sem receber a atenção necessária, afinal, todos querem e precisam receber o carinho do parceiro, perceber-se amado. Em texto publicado pela comunicadora Núbia Siqueira no blog de Cristiane Cardoso, ela ressalta que cabe a cada um medir a quantidade de internet que interfere em sua vida, seja ela via smartphone, computador, televisão, etc. Porém, faz o alerta: “Mas, exatamente por termos ao nosso alcance uma ferramenta tão poderosa, precisamos nos educar a usá-la e assim termos um ganho positivo”.

Para ela, é preciso estar consciente de que a internet é capaz de interferir em todos os aspectos da vida. Inclusive, como mostra a pesquisa acima, no relacionamento amoroso.

“O uso das redes sociais pode passar do normal para o vício em apenas um passo”, escreve Núbia. “Portanto, saiba aproveitar o que de bom tem na internet e cresça. Eleja bem suas prioridades na vida e não correrá o risco de se perder nas propostas ilusórias oferecidas por aí”.

Se você está passando por dificuldades para receber a atenção desejada ou não sabe como fazer seu companheiro se sentir amado, participe da palestra Terapia do Amor, que acontece todas as quintas-feiras na Universal. Lá será possível entender melhor os problemas de seu relacionamento e aprender a resolvê-los. Clique aqui e saiba onde acontece a reunião mais próxima de sua casa.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Quando o celular está acima de tudo

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games