“Deus em primeiro lugar”: fácil falar, difícil fazer

Esse é o primeiro dos dez mandamentos, mas nem todos conseguem cumpri-lo



Por Por Daniel Cruz / Foto: Thinkstock

Eu sou o SENHOR teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão. Não terás outros deuses diante de Mim. Êxodo 20.2-3

No trecho bíblico acima, vemos que o primeiro dos dez mandamentos orienta que adoremos um único Deus, que é o nosso Senhor. Inclusive, essa foi a proposta do Altíssimo, quando Ele criou a humanidade: edificar uma sociedade pautada na justiça divina que O adorasse e O concedesse o perfeito louvor. Infelizmente, após o pecado de Adão e Eva, a sociedade tem se distanciado cada vez mais desse propósito.

Sobre isso, o Bispo Renato Cardoso orienta: “Deus quer ser o único alvo de nossa fé. Nossa prioridade. Isso não é difícil entender, mas sim praticar. Apesar de dizermos que sim, será mesmo que O colocamos e tratamos como o primeiro em nossas vidas?”

Em seu livro “Nos passos de Jesus”, o Bispo Edir Macedo explica que: “A palavra ‘Deus’ significa ‘Um que é adorado’. Quando uma pessoa adora alguma coisa ou alguém que não seja o Deus Único e Vivo, Criador dos Céus e da Terra, essa pessoa torna-se idólatra em função daquele ou daquilo que adora. Temos visto na história do povo de Israel as várias advertências que o Senhor Deus fez para evitar que o Seu povo viesse a ser idólatra. Vimos também a ira de Deus se manifestar contra Salomão e todos os demais reis em Israel, devido à idolatria e as consequências drásticas por causa disso. Na verdade, Deus, como o nosso Criador, não aceita, em hipótese alguma, dividir a Sua glória com quem quer que seja.”

Assim, nós demonstramos para Deus que O amamos sobre todas as coisas quando Ele se torna a nossa prioridade; quando permanecemos constantemente em contato com Ele e zelamos pela nossa comunhão. É uma aliança eterna entre criatura e Criador. Uma aliança que precisa ser comprovada com atitudes – e não somente por meio de palavras.

Infelizmente, muitas pessoas no dia a dia deixam de se conectar com Deus. Não leem mais a Bíblia, não jejuam, não oram, enfim, deixam de criar uma intimidade com o Senhor para se dedicarem exclusivamente às atividades diárias. O perigo desse comportamento é que, ao nos desconectarmos de Jesus, automaticamente os espíritos malignos ganham força para agir em nossa vida.

Na Universal, em todo o Brasil, entre os dias 11 e 18 de março, ocorrerá o propósito especial “7 dias de oração e súplica”. Você pode aproveitar esse momento para exercitar a prática de colocar Deus como prioridade. Participe.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

“Deus em primeiro lugar”: fácil falar, difícil fazer

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games