Bispo da Universal leva tiro de agente penitenciário

Caso aconteceu em um presídio de Rondônia, durante a visita dos voluntários do UNP

Por Por Sabrina Marques / Foto: Cedidas

“Graças a Deus, a minha vida está no Esconderijo do Altíssimo. Deus me guardou. Agradeço à oração de todos. Obrigado. Foi um disparo acidental, mas o mal queria causar um estrago. Deus, mais uma vez, apareceu na minha vida para me guardar. ”

Essas foram as palavras publicadas na página do Facebook do bispo Eduardo Guilherme em agradecimento a Deus e a todos os voluntários do grupo Universal nos Presídios, que constantemente oram pelas pessoas de dentro e de fora dos presídios.

No dia 24 último, o bispo e a equipe de fé do UNP de Rondônia, estavam na Penitenciária de Segurança Máxima Estadual Milton Soares de Carvalho, levando a Palavra de Deus aos detentos, quando, de repente, ouviu-se um disparo, de imediato o bispo e os demais se abaixaram na tentativa de se proteger.

O tiro acidental foi disparado por um agente penitenciário, que estava em um outro local do presídio manuseando a arma. O tiro pegou de raspão na mão direita do bispo, evitando que o pior acontecesse.

Veja no vídeo abaixo como tudo aconteceu:


A importância de estar no Esconderijo do Altíssimo

A Palavra de Deus, escrita no Salmos 91.1-4 afirma: “Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará. Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nEle confiarei. Porque Ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa. Ele te cobrirá com as Suas penas, e debaixo das Suas asas te confiarás; a Sua verdade será o teu escudo e broquel. ”

O esconderijo do Altíssimo é o altar, o lugar que representa Deus, onde Ele guarda, protege aqueles que lhes pertencem. Isso significa que, quando a pessoa deposita a sua vida no altar, ela tem a proteção do Altíssimo. Foi o que aconteceu com o bispo Guilherme e acontece com milhares de pessoas espalhadas pelo mundo, que estão vivendo o propósito dos 91 dias para a busca da proteção sob o Esconderijo do Altíssimo, que teve início no dia 1º de janeiro e que se estenderá até o dia 1º de abril.

Em depoimento, Marta Maria Marcon Bueno, que é mãe do bispo Eduardo Guilherme, agradeceu a Deus pelo livramento dado a seu filho. “Nessa campanha do Esconderijo do Altíssimo Deus têm dado muitos livramentos para os meus filhos. Estarei sempre orando e
apresentando vocês para Deus para permanecerem no Abrigo Dele. Todo dia agradeço e entrego meus filhos nas mãos de Deus”, disse.

Se você ainda não está vivendo esse propósito dos “91 dias no Abrigo do Altíssimo, aproveite a oportunidade para participar. Compareça neste domingo (4), em uma reunião no Templo de Salomão na Avenida Celso Garcia, 605, Brás, zona leste da capital paulista, ou em uma Universal mais próxima de sua casa. Neste domingo, os viajantes e todos aqueles que possuem veículos vão receber uma unção especial em seus carros. Não perca!

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Bispo da Universal leva tiro de agente penitenciário

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games