Toda a verdade será contada

No dia 29 de março, você terá a oportunidade de saber o que a mídia não contou a respeito do líder da Igreja Universal do Reino de Deus

Por Por Ana Carolina Cury / Foto: Nilton Queiroz, Marcelo Alves e Divulgação

Ele me disse para orar por todos aqueles que estavam nos perseguindo.” Francesli Laranjeira, de 65 anos (foto abaixo), auxiliar de departamento pessoal, mais conhecida como dona Fran, lembra com lágrimas nos olhos o que ouviu do Bispo Edir Macedo no dia em que esteve frente a frente com ele.

Aquele não era um dia usual. O ano era 1992, mais precisamente maio, mês em que o líder da Universal foi preso no 91º Distrito Policial, na Vila Leopoldina, capital paulista, sob a acusação de charlatanismo, curandeirismo e estelionato, que, na verdade, eram perseguições infundadas.

Dona Fran conheceu o trabalho da Universal aos 34 anos, quando não tinha mais perspectiva de vida. “Fui vítima de insônia durante 16 anos, fumava dois maços de cigarro por dia, bebia muito e tinha um casamento problemático. Os meus problemas refletiam na postura dos meus filhos”, se lembra.

Com o passar do tempo e com a prática da fé, seus hábitos mudaram e sua vida foi sendo transformada. “Venci os vícios, solucionei os problemas do meu casamento e me tornei obreira. Conheci na Universal uma fé que transforma e lá também conquistei a oportunidade de recomeçar”, conta.

A visita que marcou sua vida

Ao saber que o Bispo Macedo havia sido preso, dona Fran ficou inconformada. Depois de sair do trabalho, ela e o esposo foram até a delegacia.

“Não o conhecia pessoalmente, mas sempre o admirei como pessoa, e era meu líder espiritual que estava preso injustamente. Fiquei inconformada e queria ser solidária de alguma forma. Então, fui até a delegacia. Com medo de não conseguir entrar, escrevi um bilhete, mas consegui entrar e entreguei pessoalmente”.

E foi naquele lugar sem janelas e sem luz que ela teve o maior aprendizado espiritual. “Quando eu e meu marido conversamos com o Bispo, tive certeza de que Deus estava permitindo tudo aquilo por um motivo. Era um lugar sombrio e ele estava sentado em um banquinho. Pedi licença e disse que queríamos falar com ele”, conta.

Dona Fran relata que percebeu que o Bispo estava abatido, mas mesmo assim se mantinha na fé. “Ele, muito educado, dizia que tinha certeza que Deus era com ele, com sua família e com a Igreja. Momentos depois, eu disse que era obreira, voluntária da Universal. Nessa hora ele chegou a me pedir perdão por tudo o que estava acontecendo. Eu fiquei sem palavras.”

Ela saiu da delegacia e lembrava chorando das condições em que o Bispo estava e da conversa que ela e o esposo tiveram com ele. Ela carrega aquelas palavras dele até hoje. “Ele foi e continua sendo um exemplo. Mesmo tendo sido preso injustamente, respeitou as pessoas que queriam seu mal, como faz até hoje. Ainda nos pediu para orar pelos que fizeram isso contra ele e a Igreja”, afirma.

Experiência

Dona Fran foi uma entre os milhares de pessoas?que se uniram em oração pela Universal e em frente ao distrito policial em prol de justiça.

Onze dias.?Esse foi o tempo que o Bispo Macedo ficou detido. O mandado de prisão fazia parte de uma armadilha política e religiosa para derrubar seu ministério, mas o esperado pelos acusadores não aconteceu.

Desde então, a Igreja Universal do Reino de Deus só cresceu. Hoje, com mais de 9 milhões de fiéis espalhados mundo afora, 7.432 templos e catedrais instalados em todos os Estados e no Distrito Federal, além de 2.929 igrejas no exterior, o trabalho mostra para o que foi criado e sua importância.

Pessoas curadas e transformadas, famílias restauradas, jovens hoje com perspectivas para o futuro, homens inteligentes, mulheres sábias. Esses são alguns frutos da Igreja que foi – e ainda é – julgada por muitos de maneira errada e maliciosa.

A atuação da Universal é resultado de um chamado e de uma certeza que só se tornou realidade porque uma pessoa nunca deixou de acreditar na realização dos sonhos, independentemente do que os outros diziam. Uma história marcada por lágrimas, força, revolta e muita fé.

E o filme Nada a Perder traz cada detalhe dessa história e da luta do Bispo Edir Macedo para levar a verdade a todos os povos e trazer a chance do recomeço para cada pessoa sofrida. No dia 29 de março, você terá a oportunidade de conhecer a verdade que a mídia não conta a respeito do líder da Universal.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Toda a verdade será contada

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

[recaptcha]

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games