Como eles reconstruíram um casamento falido

Ele a fez sofrer demais e ela já não acreditava que a relação daria certo. Mas o casal venceu os problemas da vida a dois e encontrou a felicidade



Por Por Ana Carolina Cury / Fotos: Cedidas

Quando conheceu Claudinei da Silva Gonzales, de 36 anos, Deise Soares de Souza Gonzales (foto acima), de 27 anos, ainda era uma menina. Na época, ela tinha só 16 anos, nunca tinha namorado antes e, por isso, não tinha experiência na vida amorosa, tampouco sabia o que queria para o futuro.

Contudo, Deise estava apaixonada e não demorou muito para que aceitasse o pedido para ir morar com Claudinei. “Era muito nova e acreditava em príncipe encantado, mas me frustrei. Foi uma relação que trouxe muito sofrimento, decepção e mágoa”, lembra Deise, que é operadora de caixa.

Com Claudinei foi diferente. Ele é auxiliar de compras e teve uma vida amorosa repleta de relacionamentos. E, apesar de morar com Deise, ele continuava se comportando como solteiro.

“A fiz sofrer demais. Ela perdeu a confiança em mim e aquele amor que era inocente se apagou. Sabia que estava fazendo tudo errado: era viciado em drogas e bebidas e andava com más companhias. Tudo isso contribuiu para a destruição da nossa relação”, comenta.

O recomeço

Vendo que Claudinei estava a um passo da separação, a mãe dele lhe fez um convite inusitado. “Ela me disse para irmos à ‘Terapia do Amor’ porque existia uma forma de reconstruir o nosso casamento. Chamei a Deise para ir comigo, mas foi difícil convencê-la porque ela não acreditava mais em mim. Ela só aceitou depois de muita insistência”, diz.

Ao participaram das palestras começaram a entender que para restaurar o relacionamento precisariam dar alguns passos importantes. “Entendi que precisava abandonar os vícios, vencer os traumas do passado e reconquistar a confiança da Deise. Assim, dia após dia, minhas atitudes revelaram um novo caráter e ela voltou a confiar em mim”, acrescenta Claudinei.

A oficialização

Depois de mudar internamente, o casal decidiu oficializar a união. “Nosso casamento só aconteceu depois que passamos a participar da ‘Terapia do Amor’. Após decidirmos que iríamos lutar para superar nossos problemas, compreendemos a importância de apresentar nossa relação ao Autor do Amor. Nos casamos na Celebração dos Casamentos e, desde então, temos uma vida amorosa maravilhosa. Foi um dia emocionante que marcou a nossa transformação como casal”, conclui Deise.

Para saber mais como resolver os problemas da
vida amorosa, participe das palestras da Terapia do Amor, todas às
quintas-feiras, em uma
Universal
mais próxima
de
você. A cada palestra, casais, noivos, namorados e solteiros aprendem sobre o
amor inteligente e como desenvolver o relacionamento a dois.

ler mais
Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Como eles reconstruíram um casamento falido

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games