Os riscos das redes sociais de namoro

Você conhece realmente o seu pretendete online?



Por Por Andre Batista / Imagem: Fotolia

Uma rede social destinada a “facilitar” encontros amorosos em mais de 190 países publicou, recentemente, uma nota em que dizia lamentar os diversos crimes cometidos por seus usuários. Na nota, a empresa afirmava:

“Estamos profundamente tristes com esta notícia, e nossos pensamentos estão com a vítima. Pessoas mal-intencionadas existem em restaurantes, livrarias, nas redes e nos aplicativos sociais. Embora a grande maioria dos nossos usuários tenha boas experiências em nosso aplicativo, não somos imunes a malfeitores. ”

A nota foi levada à imprensa após a divulgação de casos de estupros cometidos por usuários da rede social. Homens atraíam mulheres para um “encontro romântico” que, no fim das contas, transformava-se em pesadelos.

Casos como esse acontecem no mundo inteiro. A usuária Sydney Loofe, por exemplo, marcou um encontro utilizando esse mesmo aplicativo, dirigiu mais de 60 km para conhecer uma pessoa e, ao chegar lá, foi assassinada.

De acordo com os próprios empresários que estão por trás dessa rede social, não há como impedir a ação de malfeitores. E isso é verdade. Mesmo que aplicativos tenham métodos de segurança, eles sempre poderão ser burlados por criminosos. Pessoas ruins estão presentes “em restaurantes e livrarias” sim, mas, nesses lugares, a possibilidade de cair em armadilhas é menor.

Crime recorrente

Infelizmente, a rede social que divulgou a nota acima não é a única que serve de trampolim para criminosos. Em praticamente todos os sites e aplicativos de relacionamento da internet existem pessoas dispostas a atraírem vítimas para crimes terríveis. Isso acontece porque, via internet, eles são mais eficazes em mentir e esconder suas verdadeiras personalidades.

Hoje em dia, a polícia do mundo inteiro realiza diversas campanhas para alertar as pessoas em relação aos riscos de se envolver com desconhecidos. Conforme explicam as campanhas, sequestros, abusos sexuais, estelionatos e diversos outros crimes são facilitados quando a vítima se abre emocionalmente via internet.

“Se conhecer uma pessoa que está perto já é difícil, e há quem mesmo depois de um namoro logo se decepcione após o casamento, imagine quem namora sem ter o poder do toque, daquela coisa do olho no olho. Como saber se a pessoa do outro lado é realmente quem parece ser?”, questiona o bispo Adilson Silva, em programa especial de The Love School: Escola do Amor.

De acordo com ele, “de fato, é um namoro complicado e perigoso. Se por um lado a internet fez o mundo ficar pequeno e aproxima as pessoas, por outro lado ela dá às pessoas a condição de se mostrar diferente do que realmente se é, isso tanto no sentido físico quanto a questão do caráter. Então há que se ter uma cautela em relação a essa questão.”

É claro que existem pessoas boas na internet. Mas também existem pessoas más. O problema é que, em sites de relacionamento e redes sociais, qualquer um pode inventar qualquer personalidade e enganar os outros com muito mais facilidade.

Por isso, é muito importante que cada um tome cuidado e jamais aceite encontrar um desconhecido em um lugar que não seja público.

Saiba mais sobre os perigos de estabelecer namoros online assistindo ao vídeo completo da Escola do Amor:

ler mais

Reportar erro

comentários

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Os riscos das redes sociais de namoro

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Fake news

Você sabe de alguma notícia falsa que tem circulado na internet sobre a igreja Universal? Relate aqui o caso que iremos trazer toda a verdade no site Mitos e Verdades

Formulário de Denúncia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente


Expediente

Editora Executiva:

Cinthia Meibach

Coordenadora de Conteúdo:

Ivonete Soares

Repórteres:

Andre Batista, Daniel Cruz, Débora Picelli, Jeane Vidal, Michele Roza, Rafaella Rizzo, Sabrina Marques, Rafaela Dias



E-mail para Contato: redacao@sp.universal.org.br

Telefone:(11) 2392-3372

Endereço Rua João Boemer, 254 - Brás, São Paulo

Cep: 03018-000

Free WordPress Themes, Free Android Games