USA
 

O arrependimento, e o choro, de Pedro

Quando uma pessoa se arrepende, está mostrando humildade

Sabemos que enquanto há vigilância não há risco de surpresas. O diabo sempre espera a oportunidade de atacar, quando o cristão está dormindo, cochilando ou distraído com a própria aparência religiosa.

Às vezes, o orgulho da sensação de capacidade e inteligência impede muitos cristãos de enxergarem a miséria espiritual em que vivem. Este mesmo orgulho os faz pensar que a rotina religiosa é suficiente para se manterem salvos.

E é isso o que o diabo mais gosta, pois não havendo o exercício total da fé, ele pode continuar trabalhando sossegado na vida desses cristãos. As atividades da igreja em Sardes serviam muito bem aos propósitos do diabo; daí a razão pela qual não eram íntegras diante de Deus.

Quando o Senhor Jesus ordena "Sê vigilante e consolida o resto que estava para morrer..." (Apocalipse 3.2), está avisando como se fosse um atalaia: desperta deste sono mortal para a vida!

A ordem seguinte é: "Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido..." (Apocalipse 3.3). É a partir de um despertamento que o cristão pode pensar de maneira espiritualmente normal.

Não se pode esperar que uma pessoa que dorme possa pensar e discernir claramente, pois é incapaz de ver a realidade. Mas uma vez acordada, tem a capacidade de pensar e lembrar-se das palavras de Deus, há tanto tempo esquecidas.

Quando uma pessoa se arrepende está mostrando humildade, e então o Espírito Santo Se incumbe de fazer o resto. Isto aconteceu com o apóstolo Pedro, que era zeloso, mas orgulhoso de si mesmo.

Ele tinha consciência do que realizava no Reino de Deus; por isso, sempre queria ter razão e ser o primeiro a se manifestar diante do Senhor. E porque recebera a revelação de que o Senhor Jesus era o Filho do Deus Altíssimo, deixou o seu coração pensar que era maior que os demais.

Quando, porém, o Senhor Jesus disse o que iria passar em Jerusalém, Pedro imediatamente se manifestou como conselheiro, tentando dissuadi-Lo da ideia de ir até lá.

Foi quando o Senhor lhe disse: "... Arreda Satanás! Tu és para Mim pedra de tropeço, porque não cogitas das coisas de Deus, e sim das dos homens". Mateus 16.23

Doutra feita, quando foi posto à prova, ele negou o Senhor por três vezes (Mateus 26; Marcos 14; Lucas 22; João 18). E quando foi que Pedro se arrependeu? Quando se lembrou das palavras do Senhor Jesus:

"Então, voltando-Se o Senhor, fixou os olhos em Pedro, e Pedro se lembrou da palavra do Senhor, como lhe dissera: Hoje, três vezes Me negarás, antes de cantar o galo. Então, Pedro, saindo dali, chorou amargamente." Lucas 22.61,62

Pedro chorou amargamente, mostrando assim arrependimento. Até então ele vivia apenas de aparência, exatamente como muitos que se dizem seguidores do Senhor Jesus.

Na hora da provação, quando as circunstâncias obrigam a revelar o que está dentro do coração, é que tais pessoas mostram se são de Deus mesmo ou não!

As duas ordens finais do Senhor à igreja em Sardes são: "guarda-o e arrepende-te". Mas o que devemos guardar? A Palavra de Deus!

Isto não significa colocá-la na estante, imune à poeira, não! Mas observá-la, exercitando e praticando o que nela está escrito, porque é a partir daí que o verdadeiro arrependimento acontece.

Ninguém tem capacidade de se arrepender enquanto está dormindo espiritualmente. Por isso, essa sequência de ordenanças culmina em arrependimento, conforme também está escrito: "Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará". Efésios 5.14

Comentário

  • nayara - 11 de Janeiro de 2014 - 18h35

    olaah , goosteei mtoo desaa novidade di ter um pastor on line pra ajudar qee precisa , eu sou uma cristan , sou batizada nas aguas , eu eraa antes batizada no espirito santo , naun sei o qe aconteceu cmg , qe naun consigo mais ser batizada pelo espirito de deus , alguen pode mi ajudar ?


Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Próximo