USA
 

Home office: estrutura de trabalho funcional e de baixo custo dentro de casa

Tecnologia tem sido fundamental para a quebra de certos padrões antes estabelecidos no mundo empresarial

Uma estrutura de trabalho real, totalmente funcional e de baixo custo dentro de casa. O conceito de home office, que possibilita a alguém trabalhar e morar no mesmo lugar, era praticamente impossível antigamente, mas tornou-se viável com o advento da internet. O número de profissionais que têm feito essa opção vem crescendo muito nos últimos anos.

A tecnologia tem sido fundamental para a quebra de certos padrões antes estabelecidos no mundo empresarial. Atualmente, é possível elaborar projetos, agendar compromissos, confirmar ações e até fazer conferências de forma virtual, sem sair de casa.

Muitos profissionais liberais e autônomos que optaram pelo home office se dizem satisfeitos com a mudança. As possibilidades de serviços que podem ser oferecidos a partir dos escritórios do lar são inúmeras. Os chamados trabalhadores domésticos, em geral, trabalham sozinhos, mas isso não é uma regra.

Em determinadas companhias, também tem sido comum funcionários serem deslocados para realizar suas tarefas em casa. Em países como Estados Unidos, por exemplo, isso é uma tendência que tem como objetivo principal a redução de custos.

Cuidados que devem ser observados

Ao montar um home office, a pessoa não deve pensar apenas nas vantagens que isso pode lhe trazer. Muitos imaginam que com isso poderão dormir até mais tarde e ver televisão na hora que quiser. Na prática, não é assim que as coisas costumam funcionar.

Para quem mora em condomínio, há mais detalhes ainda a serem observados. Segundo a gerente da Lello Condomínios – empresa que administra imóveis na capital paulista –, Angélica Arbex, moradores que trabalham em apartamentos precisam ser orientados, de modo que não venham a causar desconforto aos demais condôminos, gerando barulho ou provocando um fluxo demasiado de pessoas no edifício, por exemplo.

Para evitar problemas desse tipo, é importante observar o que está estipulado no regimento interno do condomínio, com relação às atividades comerciais. Em geral, trabalhar usando computador e telefone, com serviços que não exijam relacionamento direto com outras pessoas, é permitido. No entanto, ela afirma que os trabalhadores domésticos não devem usar áreas comuns do edifício, como hall de entrada ou salão de festas, para reuniões de trabalho, a não ser que o condomínio disponha de espaço destinado para esta finalidade.

Da mesma forma, não é permitido realizar nesses locais atividades que gerem consumo de gás ou de água se a cobrança desses itens for coletiva. “Esse tipo de cobrança é dimensionada para ser doméstica. Se um morador realiza uma atividade comercial em seu benefício, não pode onerar os demais condôminos com despesas extras”, afirma a gerente.

“Em tempos de home office, é importante que os condomínios tenham claro a necessidade de normatizar atividades comerciais, para não comprometer a comodidade e qualidade de vida dos demais moradores”, conclui Angélica.

Algumas dicas para obter eficiência no trabalho em casa:

1) Depois de uma profunda análise, identifique a parte do dia em que é mais produtivo. Após essa conclusão, estabeleça uma carga horária para o trabalho, observando essa característica.

2) Defina muito bem os horários para as atividades profissionais e domésticas.

3) Faça um registro de todas as atividades. Com base nas mais produtivas, estabeleça padrões para futuros negócios.

4) Estabeleça metas e objetivos a serem alcançados. É importante ser bem realista.

5) Determine um local específico da casa para o trabalho profissional. Este espaço precisa ter silêncio, isolamento e os recursos necessários para produção.

6) É aconselhável ter um identificador de chamadas para separar os telefonemas pessoais e profissionais.

7) É muito importante, para garantir uma boa produção, saber o momento certo de fazer uma pausa. Mente cansada não produz.

Fé é trabalho

Para crescer, “junto” com seus negócios, o bispo Jadson Santos, orienta que o empresário esteja “junto” com o Senhor Jesus. “Quando nos entregamos a Ele, de corpo e alma, estamos prontos para a batalha. Ele nos orienta e torna tudo possível”, conclui.

Participe da “Nação dos 318”, todas as segundas-feiras, às 22h, no Cenáculo do Espírito Santo em Del Castilho, na antiga Avenida Suburbana, 4.242; no Cenáculo do Espírito Santo de Santo Amaro, na Avenida João Dias, 1.800; no Cenáculo do Espírito Santo do Brás, na Avenida Celso Garcia, 499; e da Reunião da Prosperidade, nos Cenáculos do Espírito Santo por todo o Brasil.

Comentário



Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Próximo