USA
 

"A festa de Babette"

Filme mostra a doação genuína de uma mulher, sem cobrança ou manipulação, traduzindo o amor em atos, não apenas em palavras

“A festa de Babette” conta a história de uma parisiense que, em uma noite fria de 1871, chega até uma casa na desolada costa da Dinamarca, pedindo refúgio. No local, vivem as irmãs Martina e Philippa junto com o pai, um rigoroso pastor protestante.

A mulher refugiada se chama Babette (Stéphane Audran) – que dá nome ao filme – e está fugindo da repressão criada pela guerra civil na França. Como forma de retribuir o acolhimento dos dinamarqueses, ela se oferece para cozinhar e cuidar da casa, mesmo não recebendo deles nenhum tipo de afeto.

Alguns anos passam e a parisiense continua trabalhando para a família, até que ela recebe a notícia de que ganhara uma fortuna em um prêmio na loteria de Paris. Mesmo não precisando mais viver longe da sua terra natal, ela resolve ficar e gastar o dinheiro oferecendo um autêntico jantar francês à comunidade.

Apesar da boa intenção, sua festa escandaliza alguns moradores, principalmente os mais velhos do lugar. No passado, Babette havia sido uma excelente chef de cozinha francesa, tendo trabalhado no famoso Café Anglais, em Paris – um restaurante que existiu de verdade.

Mesmo com o julgamento de alguns, a parisiense aproveita a oportunidade para fazer o que sabe e comemorar o centésimo aniversário do pastor, deixando todos os convidados do banquete impressionados.

Disponível em DVD, “A Festa de Babette” pode ser comparada à última ceia do Senhor Jesus, que ofereceu a si mesmo, como forma de remissão de pecados da humanidade.

Baseada na história de Isak Dinesen, a produção trata a comida como "forma de elevação espiritual", ao mostrar a doação genuína de uma mulher, sem cobrança ou manipulação, traduzido o amor em atos, não apenas em palavras.

Comentários

Lembramos que este espaço é reservado somente para comentários referentes à matéria em questão. Somente comentários relevantes serão autorizados. Pedidos de oração e orientação podem ser feitos na página do Pastor Online: www.universal.org/pastoronline. Sugestões e reclamações podem ser enviados para redacao@sp.universal.org.br.

Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Próximo