USA
 

Telescópio da Nasa descobre planeta que pode ter água

Maior que a Terra, o Kepler-22b está a 600 anos-luz de distância e pode ser habitável

O telescópio Kepler, da Nasa – a agência espacial norte-americana –, descobriu um planeta em uma região habitável de um sistema solar, onde pode haver água em estado líquido. A descoberta foi anunciada na segunda-feira (5). O telescópio foi usado para descobrir mais 1.094 candidatos a novos planetas.

O planeta foi chamado de Kepler-22b e está a 600 anos-luz de distância da Terra. É o menor já encontrado em uma região similar ao do nosso sistema solar, mas ainda assim tem cerca de 2,4 vezes o raio da Terra. Apesar de ser maior, ele leva 290 dias para completar uma volta ao redor de sua estrela, que pertence à classe G, a mesma do nosso Sol, mas é um pouco menor e mais fria.

De acordo com a Nasa, pesquisas anteriores já indicaram a presença de planetas parecidos com o nosso em zonas habitáveis, mas os indícios nunca foram confirmados. Outros corpos do tamanho da Terra já foram descobertos, mas em regiões não favoráveis ao surgimento da vida como a conhecemos.

Os cientistas não sabem afirmar se ele é predominantemente rochoso, gasoso ou líquido, mas apontam que a descoberta nos deixa um passo mais próximo de encontrar planetas parecidos com o nosso. “Este é um grande marco na estrada para encontrar um ‘gêmeo’ da Terra”, disse o cientista Douglas Hudgins, do programa Kepler, na sede da Nasa, em Washington, nos Estados Unidos.

Comentário



Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Próximo