USA
 

Feriado na abertura da Copa

Medida facilitaria acesso ao Itaquerão

O comitê organizador da Copa do Mundo que será disputada em 2014 já está conversando com a administração municipal sobre a possibilidade de que seja decretado feriado na cidade de São Paulo no dia 12 de junho, data da abertura da competição. O objetivo da medida é permitir que os 88 mil visitantes esperados consigam chegar até Itaquera, zona leste da cidade, no local do jogo inaugural, sem grandes dificuldades, o que não aconteceria se fosse um dia de atividades normais.

Além disso, será realizada nas proximidades do estádio a maior Fan Fest da cidade, o que aumentará o fluxo de pessoas na região.

Para que o acesso à região se torne viável, serão investidos cerca de R$ 20 bilhões em um plano que envolve ônibus, metrô e trens urbanos. O transporte sobre trilhos será inteiramente modernizado, com a implantação de sistemas para reduzir o intervalo entre trens, especialmente nas linhas 3 do Metrô e 11 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, que atendem o bairro de Itaquera, onde ficará o estádio do Corinthians.

A EMTU planeja transportar 70% dos passageiros via metrô e trens urbanos, a partir de bolsões de estacionamento que serão implantados em locais estratégicos. Desses locais partirão linhas especiais de ônibus para integração com os sistemas sobre trilhos.

Durante reunião para discutir os planos em relação ao dia da abertura, o engenheiro Ivan Regina, diretor da EMTU, ressaltou que a realização da Copa do Mundo é uma grande oportunidade que a cidades brasileiras têm de dinamizar o planejamento da mobilidade urbana e tirar o passageiro do automóvel.

A empresa responsável pela construção do estádio do Corinthians em Itaquera, na zona leste de São Paulo, garantiu que o estádio ficará pronto em fevereiro de 2014, em vez de dezembro de 2013, que era data inicial de entrega. A empresa está usando o novo prazo determinado pela Fifa.

As obras começaram no dia 30 de maio de 2011 e serão concluídas em fevereiro de 2014, segundo a construtora. O prazo anteriormente divulgado era de 30 meses. Explica-se que os três meses "extras" correspondem a 10% do tempo inicial que pode ser afetado por imprevistos.

Recursos – Itaquera, em São Paulo, e Maracanã, no Rio de Janeiro, serão as sedes da Copa do Mundo com maior potencial para conseguir recursos financeiros através do naming rights (venda do nome) dos estádios. Segundo estudo divulgado por uma companhia especializada, os dois estádios podem receber até R$ 300 milhões em futuras negociações, o que seria suficiente para cobrir parte do investimento feito para a construção dos estádios. Segundo dados oficiais, a previsão para a construção do Itaquerão terá o gasto de R$ 820 milhões enquanto a reforma do Maracanã está orçada na casa dos R$ 932 milhões.


Agência Unipress Internacional

Comentário



Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Próximo