USA
 

Um erro destruiu a reputação dele

Entenda por que devemos fazer o melhor, em qualquer situação

Um erro da polícia britânica foi capaz de arrasar a carreira e a vida de Nigel Lang. Em maio de 2011, policiais de South Yorkshire foram informados por policiais de Hertfordshire, ambos condados da Inglaterra, de que dezenas de imagens de pedofilia, divulgadas no mês anterior, abril, tinham partido de um determinado computador, localizado pelo seu IP (identificação). O número indicado pertencia ao computador da mulher de Nigel, mas estava errado, pois continha um algarismo a mais, acrescentado por engano.

Na época, por conta do erro, Lang foi preso. Três semanas depois, contudo, a polícia devolveu o computador, que havia sido apreendido para investigação, e ele foi declarado inocente, mas isso não foi suficiente para reparar o estrago que o evento causou na vida dele.

Lang ficou abalado psicologicamente e não conseguiu voltar ao trabalho que executava, de recuperação de jovens viciados. "Foi o melhor trabalho que tive na vida, e achava que era muito bom naquilo. Mas fiquei com medo de trabalhar com mulheres jovens e de que elas dissessem que eu havia cometido algum abuso sexual. Fiquei paranoico", contou ele em entrevista ao programa "Victoria Derbyshire", na BBC.

Ele foi ter ciência do erro depois que contratou um advogado que investigou a fundo as atitudes da polícia e descobriu a verdade sobre o endereço de IP incorreto. Em 2014, Nigel recebeu um pedido de desculpas da polícia e, após abrir uma ação com pedido de indenização, recebeu a garantia, em outubro de 2016, de obter 60 mil libras (cerca de R$ 236 mil). Ele fez valer os seus direitos, mas, mesmo assim, permaneceu com a sua reputação "arruinada". Hoje está desempregado e sofre de transtorno de estresse pós-traumático.

Faça o melhor

A história de Nigel Lang mostra que o nosso trabalho tem sempre um impacto na vida das pessoas, positivo ou negativo. Se feito com excelência, trará bons resultados e abençoará a vida de todos os envolvidos. Mas, se for feito de qualquer jeito, pode ser capaz de destruir a vida de alguém, dependendo do tipo de situação. No caso de Nigel, um número a mais, que poderia ter sido evitado com algumas revisões, foi o suficiente para prejudicar o futuro dele.

"... tudo quanto vier à mão para realizar, fazê-o com o melhor das tuas forças...", diz a Bíblia em Eclesiastes 9.10.

Não se permita ser usado para prejudicar, mas faça o seu trabalho da melhor forma para que todos ao seu redor, e principalmente você, sejam beneficiados por ele. Até mesmo para isso há uma promessa na Palavra de Deus: “Viste o homem diligente na sua obra? Perante reis será posto; não permanecerá entre os de posição inferior.” Provérbios 22.29

Participe do Congresso para o Sucesso e aprenda a ser excelente em tudo o que fizer. As reuniões acontecem às segundas-feiras, em toda a Universal. Clique aqui para encontrar o endereço mais próximo de sua residência – informe-se sobre os horários. 

Comentários

Lembramos que este espaço é reservado somente para comentários referentes à matéria em questão. Somente comentários relevantes serão autorizados. Pedidos de oração e orientação podem ser feitos na página do Pastor Online: www.universal.org/pastoronline. Sugestões e reclamações podem ser enviados para redacao@sp.universal.org.br.

Nossas Sugestões

Nossas sugestões

x
Anterior Próximo